A ENFERMAGEM E A CONSTRUÇÃO DE NOVOS SABERES E PRÁTICAS A PARTIR DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA

Luzia Lucélia Saraiva Ribeiro, Luiz Odorico Monteiro de Andrade

Resumo


A Estratégia Saúde da Família (ESF) vem trazendo mudanças substanciais no contexto da saúde no Brasil. Um dos maiores desafios enfrentados para o desenvolvimento das atividades propostas por esta, está na formação dos profissionais de saúde que tem sido marcada por concepções que sustentam e orientam os modelos de atenção à saúde centrada no biológico, curativo e individual. O papel do Enfermeiro na equipe do PSF tem sido um constante desafio na incorporação de novos saberes e práticas. Este estudo teve como objetivo conhecer junto aos Enfermeiros egressos do Curso de Residência em Saúde da Família quais os novos saberes e práticas do campo da Enfermagem que foram construídos a partir da ESF. A pesquisa foi ealizada através de grupo focal e analisada pela metodologia do Discurso do Sujeito Coletivo (DSC). Considerando os resultados obtidos observamos a modificação na forma de se perceber a saúde através da ESF e que o investimento na educação permanente constitui um dos mais importantes meios para o aperfeiçoamento da prática e construção de saberes na Enfermagem.


Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, L. O. M. SUS Passo a Passo: Normas Gestão e Financiamento. São Paulo: Huicitec/ UVA, Sobral 2001.

CAMPOS, G.W. de S. Um método para análise e co‐gestão de coletivos. São Paulo: Hucitec, 2000.

CHIESA, A. M. e VERÍSSIMO, M. L. O. R. A educação em saúde na prática do PSF. Manual de enfermagem. Instituto para o desenvolvimento da saúde. São Paulo. Brasília: Ministério da Saúde, 2001.

EGRY, E. Y. Saúde Coletiva: Construindo um novo método em Enfermagem. São Paulo: Ícone, 1996, 144p.

FRACOLLI, A. L. e BERTOLLI, M. R. A abordagem do processo saúde‐doença das famílias e do coletivo. Manual de enfermagem. Instituto para o desenvolvimento da saúde. São Paulo. Brasília: Ministério da Saúde, 2001.

LEFÉVRE, F. e LEFÉVRE, A.M.C. Recuperando a fala do social. In: Série monográfica. n.9, USP, Faculdade de Saúde Pública, 1998.

_____. O Discurso de Sujeito Coletivo. Curso de verão. Mimeografado. São Paulo, 1999.

SANTOS, B.; SAGEBIN, H.; PASKULIN, L.G.; EIDT, O.; WITT, R. A formação dos profissionais para atenção primária à saúde: a participação da Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Revista Gaúcha de Enfermagem, Porto Alegre, v. 19, n.1, p. 5‐10, jan. 1998.

SANTOS, A. M. et al. Enfermagem em Saúde Pública: uma proposta articulando ensino, pesquisa, estágio e extensão. Rev. Bras. Enfermagem, Brasília, v. 53, n.especial, p.159‐164, dez 2000.

SOUSA. M. F. de. A coragem do PSF. São Paulo: Hucitec, 2001.

SOUSA, R. R. A população em primeiro lugar. Revista Brasileira de Saúde da Família. Brasília: Ministério da Saúde, 2000.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


S A N A R E  - Revista de Políticas Públicas

Escola de Formação em Saúde da Família Visconde de Sabóia - EFSFVS

Av. John Sanford, nº 1320 - Bairro Junco - Sobral/CE

CEP: 62030-362  - Fone:(88) 3614.5520

Email: revista_sanare@hotmail.com