CARACTERIZAÇÃO DOS CASOS DE BERIBÉRI ENTRE INDÍGENAS NO NORTE DO BRASIL

Tarcia Millene de Almeida Costa Barreto, Fabricio Barreto

Resumo


O beribéri é uma doença nutricional causada pela falta de vitamina B1 (tiamina) no organismo, resultando em fraqueza muscular, problemas gastrintestinais, problemas respiratórios e problemas cardiovasculares. Tendo em vista a sintomatologia variável e a gravidade do ressurgimento dessa doença no Brasil, o objetivo deste estudo foi caracterizar os casos de beribéri notificados de 2008 a 2014 entre indígenas do extremo Norte do país. Trata-se de estudo descritivo e retrospectivo com consulta ao Sistema de Informação de Atenção à Saúde Indígena (Siasi). Os dados coletados na pesquisa foram tratados por meio da estatística descritiva no programa Microsoft Excel, versão 2010. Observou-se que há predominância do sexo masculino nos casos e idade de 20 a 59 anos; grande parte dos surtos de beribéri associa-se a condições de pobreza e fome, alimentação inadequada e grupos de risco específicos. Sabe-se que essas características são atribuídas aos grupos indígenas de modo geral, o que não explica por que os casos de beribéri no estado de Roraima estão concentrados em dois municípios, Uiramutã e Pacaraima, que por longos anos mantiveram garimpos contribuindo para a contaminação do solo e da água.

Texto completo:

PDF

Referências


Minicucci MF, Zornoff LAM, Matsue M, Inoue RMT, Matsubara LS, Okoshi MP, et al. Edema generalizado e circulação hiperdinâmica. Um possível caso de beribéri. Arq Bras Cardiol [serial on the internet]. 2004 [cited 2016 Nov 12];83(2):173-5. Available from: http://www.scielo.br/pdf/abc/v83n2/v83n2a09.pdf

Nautiyal A, Singh S, Alaimo DJ. Wernicke encephalopathy: an emerging trend after bariatric surgery. Am J Med. 2004;117:804-5.

Brasil. Guia de consulta para vigilância epidemiológica, assistência e atenção nutricional dos casos de beribéri. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2012.

Padilha EM, Fujimori E, Borges ALV, Sato APS, Gomes MN, Branco MRFC, et al. Perfil epidemiológico do beribéri notificado de 2006 a 2008 no estado do Maranhão, Brasil. Cad Saúde Pública [serial on the internet]. 2011 [cited 2016 Nov 12];27(3):449-59. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csp/v27n3/06.pdf

Gollobin C, Marcus WY. Bariatric beriberi. Obes Surg. 2002;12:309-11.

Brasil. 100 anos de Saúde Pública: a visão da Funasa. Brasília (DF): Funasa; 2006.

Lira PIC, Andrade SLLS. Epidemia de beribéri no Maranhão, Brasil. Cad Saúde Publica [serial on the internet]. 2008 [cited 2016 Nov 12];24(6):1202. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csp/v24n6/01.pdf

Garnely L, Sampaio S. Bases sócio-culturais do controle social em saúde indígena. Problemas e questões na Região Norte do Brasil. Cad Saúde Pública [serial on the internet]. 2003 [cited 2016 Nov 12];19(1):311-7. Available from: http://www.scielo.br/pdf/csp/v19n1/14933.pdf

Albert B. Associações indígenas e desenvolvimento sustentável na Amazônia brasileira. In: Ricardo CA, editor. Povos indígenas no Brasil, 1996/2000. São Paulo: Instituto Socioambiental; 2000. p. 197-203.

Soares CHA, Linhares MSC. Vigilância à saúde no município de Sobral-CE: aspectos históricos, conceituais e atuação na saúde pública. Sanare (Sobral, Online) [serial on the internet]. 2008 [cited 2016 Nov 12];7(1):6-11. Available from: https://sanare.emnuvens.com.br/sanare/article/view/48/43

Zubaran C, Fernandes J, Martins F, Souza J, Machado R, Cadore M. Aspectos clínicos e neuropatológicos da síndrome de wernicke-korsakoff. Rev Saúde Pública [serial on the internet]. 1996 [cited 2016 Nov 12];30(6):602-8. Available from: http://www.scielo.br/pdf/rsp/v30n6/5118.pdf

Siegel S. Estatística não paramétrica: para as ciências do comportamento. São Paulo: McGraw-Hill; 1975.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


S A N A R E  - Revista de Políticas Públicas

Escola de Saúde Pública Visconde de Saboia - ESP-VS

Av. John Sanford, nº 1320 - Bairro Junco - Sobral/CE

CEP: 62030-362  - Fone:(88) 3614.5520

Email: revista_sanare@hotmail.com