A PERCEPÇÃO DOS GERENTES DOS CENTROS DE SAÚDE DA FAMÍLIA SOBRE A INSERÇÃO DA EQUIPE DE SAÚDE BUCAL NA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA EM SOBRAL‐CE

Francisco Ivan Rodrigues Mendes Junior, Rebeca Sales Viana

Resumo


Este trabalho teve como objetivo verificar a percepção dos gerentes das Unidades Básicas de Saúde (UBS) sobre a inserção da Equipe de Saúde Bucal (ESB) na Estratégia Saúde da Família de Sobral‐CE, através de uma entrevista, aplicado para os 14 gerentes das UBSs que dispunham de ESB em Sobral‐CE. Os entrevistados relataram que a motivação da ESB está entre boa a excelente e 71,4% confirmaram a participação da ESB nas reuniões da roda. Em relação aos fatores que dificultaram a inserção das ESB na ESF destacaram‐se: a grande demanda reprimida para ações curativas; no caso dos distritos a falta de infra‐ estrutura; a demora para assistência técnica dos equipamentos e a deficiência para o deslocamento do profissional da zona urbana para a zona rural. Dentre os aspectos facilitadores para a inserção, foram relatados: a boa infra‐estrutura das Unidades de Saúde; a existência prévia da ESF; o comprometimento político por parte dos gestores; a Residência em Saúde da Família e o bom relacionamento da equipe com a comunidade.


Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, L. O M; BARRETO, I.C.; PARREIRAS, P; MARTINS JR., T. Tenda Invertida: Um novo processo pedagógico implementado na Residência em Saúde da Família de Sobral. MÍMEO. Sobral, Ceará, 2003.

ANDRADE, L. O. M. de. SUS passo a passo: normas, gestão e financiamento. São Paulo: Ed. Hucitec; Sobral: Edições Uva, 2001.

BOTAZZO, C. A graduação odontológica na perspectiva da saúde coletiva. Bauru, 1991.

BRASIL, Ministério da Saúde. Secretaria de Assistência à Saúde. Programa Saúde da família. Brasília, 1997.

_______. Ministério da Saúde. Portaria N. o 267, de 06 de março de 2001.

CAMPOS, G. W. S. Um método para análise e co‐gestão de coletivos: a constituição do sujeito, a produção de valor de uso e a democracia em instituições: o método da roda. São Paulo: Hucitec, 2000. 236p.

MANFREDINE, M. A. Discurso de Abertura do XIII ENATESPO e II Congresso Brasileiro de Saúde Bucal Coletiva, em Cuiabá, 28‐ 31 de Outubro de 1997. Associação de Odontologia em Saúde Coletiva. Ano 1, Vol. 1, N.o 1, Jan./Março 1998.

OFFE, C. Dominação de classe e sistema político sobre seletividade de instituições políticas In: OFFE, C. Problemas estruturais do Estado capitalista. Rio de Janeiro. Tempo brasileiros 1984.p: 140‐77.

SOBRAL. Prefeitura Municipal, Secretaria de Desenvolvimento Social e Saúde. Plano Municipal de Saúde, 1997.

SOBRAL. Prefeitura Municipal, Secretaria de Saúde e Assistência Social. Capacitação dos recursos humanos em saúde bucal, 2000.

ZANNETI, C.H.G. Saúde bucal no Programa de Saúde da Família (PSF) ‐ proposição e programação. Brasília, 2000. Disponível na Internet http:// www.saudebucalcoletiva.unb.br.Acesso em 12 junho 2002.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


S A N A R E  - Revista de Políticas Públicas

Escola de Saúde Pública Visconde de Saboia - ESP-VS

Av. John Sanford, nº 1320 - Bairro Junco - Sobral/CE

CEP: 62030-362  - Fone:(88) 3614.5520

Email: revista_sanare@hotmail.com